NOTÍCIAS

Industria nacional cresce

06/06/2018

A produção industrial do Brasil iniciou o segundo trimestre com alta acima do esperado devido ao forte desempenho nos setores de biocombustíveis e automóveis, sinal de fôlego que pode ficar em risco após a greve dos caminhoneiros que afetou a economia nas últimas semanas do mês. Em abril, a produção da indústria havia crescido 0,8% sobre março, informou o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) nesta terça-feira (05/06), melhor resultado desde dezembro (+2,9%) e acima da alta de 0,5% esperada em pesquisa da agência de notícias Reuters com analistas.

Na comparação com o mesmo período do ano anterior, houve aumento de 8,9%, também melhor do que a expectativa de alta de 7,7% e o resultado mais forte desde abril de 2013 (+9,8%). "(Abril) foi o primeiro bom resultado de 2018, mas não é suficiente para voltar ao patamar do fim do ano passado", afirmou o gerente da pesquisa, André Macedo. "A greve dos caminhoneiros significa que afeta o processo e o ritmo de produção. Ela vai afetar negativamente, mas o tamanho do reflexo ainda não sabemos."

O destaque em abril foi o aumento de 5,2% na produção de coque, produtos derivados do petróleo e biocombustíveis. Isso porque as usinas do país, segundo o IBGE, deram preferência pela fabricação do etanol em detrimento do açúcar.

Apesar dos últimos acontecimentos, este relatório divulgado a pouco pelo IBGE ainda contém dados importantes para quem deseja analisar um investimento inteligente. Para se informar sobre oportunidades de aplicações no mercado nacional, entre em contato com seu consultor InterInvest. 

FONTE: https://economia.uol.com.br/noticias/reuters/2018/06/05/producao-industrial-no-brasil-sobe-08-em-abril-diz-ibge.htm

Entre em contato