NOTÍCIAS

Ibovespa futuro abre em alta

03/10/2018

O índice futuro do Ibovespa inicia a sessão desta terça-feira com forte valorização de 1,63% aos 80.092 pontos, com os investidores otimistas com a vitória do candidato do PSL, Jair Bolsonaro, após a divulgação da pesquisa Ibope na noite de ontem apontar uma vantagem de 10 pontos percentuais para Fernando Haddad (PT).

O índice japonês Nikkei avançou para nova máxima de 27 anos nesta terça-feira, ampliando a força recente graças a expectativas de resultados empresariais fortes.
Os ganhos foram sustentados pela perspectiva de resultados corporativos mais fortes diante de um iene mais fraco. O índice referencial tem permanecido confortavelmente acima da marca de 24 mil pontos desde sexta-feira passada.

Nos Estados Unidos, as atenções se voltam nesta terça-feira para a fala de Jerome Powell, presidente do Federal Reserve, que participa de evento em Boston. Para o restante da semana, o mercado aguarda os números do mercado de trabalho, que serão divulgados na sexta-feira.
O Índice de Preços ao Consumidor (IPC) de São Paulo registrou alta de 0,39 por cento em setembro após ter terminado agosto com avanço de 0,41 por cento, em meio à pressão dos preços de Transportes e Despesas Pessoais.
 
A Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) informou nesta terça-feira que os preços do grupo Transportes avançaram 0,97 por cento, exercendo um peso de 0,1416 ponto percentual, após queda de 0,42 por cento em agosto.

Em agosto de 2018, a produção industrial nacional variou -0,3% frente a julho (série com ajuste sazonal), segunda taxa negativa seguida e acumulando nesse período redução de 0,4%. Vale destacar que esse comportamento de queda ocorreu após a atividade industrial recuar 10,9% em maio e crescer 12,7% em junho. No confronto com agosto de 2017 (série sem ajuste sazonal), a indústria cresceu 2,0%, terceiro resultado positivo consecutivo, mas o menos intenso dessa sequência.

O candidato do PSL à Presidência, Jair Bolsonaro, ampliou sua vantagem na liderança da corrida presidencial, passando a 31 por cento da preferência do eleitorado, seguido pelo candidato do PT, Fernando Haddad, que aparece com 21 por cento, mostrou pesquisa Ibope divulgada nesta segunda-feira.

No levantamento anterior do Ibope, feito para a Confederação Nacional da Indústria (CNI) e divulgado na última quarta-feira, Bolsonaro tinha 27 por cento, enquanto Haddad aparecia com os mesmos 21 por cento.

A cena eleitoral deve seguir ditando o ritmo do mercado, sendo que hoje deverá sair uma nova pesquisa do Datafolha. Amanhã, será a vez de um novo levantamento do Ibope, com o Datafolha divulgando uma nova sondagem na quinta-feira. Depois disso, os dois institutos divulgam no sábado os últimos números antes do primeiro turno.
 
Bolsas Internacionais
 
Em TÓQUIO, o índice Nikkei avançou 0,10 por cento, a 24.270 pontos. Em HONG KONG, o índice HANG SENG caiu 2,38 por cento, a 27.126 pontos. Em XANGAI, o índice SSEC não teve operações. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, não abriu.

Na Europa, a sessão desta terça-feira é marcada por perdas nas principais praças. Em Frankfurt, o DAX tem perdas de 0,65% aos 12.259,15 pontos, enquanto que em Londres, o FTSE recua 0,41% aos 7.465,00 pontos. Já em Paris, o CAC apresenta queda de 0,70% aos 5.468,22 pontos.
 
Commodities
 
Ainda devido à comemoração do Dia Nacional da China, os contratos futuros do mineiro de ferro mais uma vez não foram negociados na bolsa de mercadorias de Dalian, com o valor do ativo com data de vencimento em janeiro de 2019 permanecendo em 495,50 iuanes por tonelada.
O vergalhão de aço também não foi negociado, com o último preço para janeiro em 3.944 iuanes e de 3.719 iuanes por tonelada nos contratos para maio de 2019.

Depois de seguidas altas, o preço do petróleo dá uma trégua nessa terça-feira. Em Nova York, o barril do tipo WTI apresenta valorização de 0,11%, ou US$ 0,08, a US$ 75,38. Em Londres, o FTSE cai 0,40%, ou US$ 0,34, a US$ 84,64.
 
Mercado Corporativo
 
A JBS (SA:JBSS3) aderiu ao programa de regularização tributária rural com débitos do Funrural que somam 2,4 bilhões de reais, já deduzidos os descontos de juros e multas, anunciou a gigante de carnes em fato relevante na noite de segunda-feira.

A renegociação terá impacto negativo contabilizado no lucro do terceiro trimestre de aproximadamente 2,4 bilhões de reais, disse a empresa.

Serão pagos 123,7 milhões de reais de entrada, 369,8 milhões de reais com créditos de prejuízo fiscal e o saldo remanescente de 1,9 bilhão de reais ao longo de 19 anos e 8 meses, em 236 parcelas mensais.

A empresa brasileira de meios de pagamentos Stone pediu registro nesta segunda-feira para realizar sua oferta inicial de ações (IPO, na sigla em inglês) na Nasdaq, bolsa de valores nos Estados Unidos que concentra empresas de tecnologia, ampliando a pressão sobre Cielo (SA:CIEL3) e Rede, as maiores do setor.

Segundo o prospecto preliminar da oferta, Itaú BBA, Credit Suisse, Morgan Stanley (NYSE:MS), Bank of America Merrill Lynch, Goldman Sachs, JPMorgan, Citigroup e BTG Pactual (SA:BPAC11) vão coordenar a operação, que envolve ofertas primárias (papéis novos) e secundárias (ações detidas por atuais sócios).

A empresa diz no documento ter cerca de 200 mil clientes, um avanço de 127 por cento em 12 meses. O prospecto também afirma que a Stone teve receita de 635,7 milhões de reais no primeiro semestre, crescimento de 92 por cento ante mesma etapa de 2017.

A Cesp (SA:CESP6) informou nesta segunda-feira que leilão de venda do controle acionário da elétrica pelo governo paulista, previsto para terça-feira, foi adiado para o próximo dia 19 de outubro, segundo decisão do Conselho Diretor do Programa Estadual de Desestatização.
 
O adiamento ocorre em meio a incertezas políticas e regulatórias.
 
Especialistas disseram à Reuters nesta segunda-feira que tais incertezas afastaram investidores do leilão, que originalmente deveria ter acontecido no ano passado, mas deixou de ocorrer em 2017 por falta interessados, entre outros motivos.

Segundo o plano, a companhia será vendida por um bônus de outorga de no mínimo 1,37 bilhão de reais, a ser pago ao governo federal, e de 14,30 reais por cada ação do governo paulista na companhia, o que representa cerca de 1,66 bilhão de reais.

A produção de petróleo do Brasil caiu em agosto pela terceira vez consecutiva ante o mês anterior para 2,522 milhões de barris por dia, em meio a paradas para manutenção no campo de Lula, maior produtor do país, apontaram dados da agência reguladora do setor de petróleo nesta segunda-feira.
No oitavo mês do ano, o volume de petróleo produzido pelo país caiu 2,1 por cento ante o mês anterior e recuou na mesma proporção ante julho de 2017, disse a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), em seu boletim mensal de produção.

A produção no pré-sal das bacias de Campos e Santos foi responsável por 54 por cento da produção de petróleo média de agosto no Brasil, ou 1,374 milhão de barris de petróleo por dia, queda de 5,5 por cento em relação ao mês anterior.

A diretoria do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) aprovou financiamento de 619,4 milhões de reais para parques eólicos da elétrica Copel (SA:SA:CPLE6) no Rio Grande do Norte, informou a instituição financeira em nota nesta segunda-feira.

Os empreendimentos beneficiados somarão uma capacidade de cerca de 313 megawatts, sendo 180,6 megawatts do Complexo Eólico Cutia e 132,3 megawatts do Complexo Bento Miguel, que deverão estar em operação comercial plena e parcial em janeiro de 2019, respectivamente.
 
Agenda de Autoridades
 
O presidente Michel Temer começa a terça-feira com um encontro com José Roberto Maciel, Vice-Presidente do Grupo Silvio Santos; Roberto Franco, Diretor de Relações Institucionais do SBT e Marcelo Parada, Diretor Comercial do SBT. Em seguida, se reúne com Eliseu Padilha, Ministro-Chefe da Casa Civil da Presidência da República; Eduardo Guardia, Ministro de Estado da Fazenda; Alberto Beltrame, Ministro de Estado do Desenvolvimento Social; Gustavo Rocha, Ministro de Estado dos Direitos Humanos; Tatiana Alvarenga, Secretária Executiva do Ministério do Desenvolvimento Social ; Walter Baère, Secretário Executivo Adjunto do Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, e Jorge Rachid, Secretário da Receita Federal.

Já o ministro da Fazenda, Eduardo Guardia, começa o dia com uma entrevista para a TV UOL com o jornalista Josias de Souza. Em seguida, participa da reunião de ministros e Michel Temer.

Na parte da tarde, Guardia tem audiência com Artur Grynbaum, presidente da Associação Brasileira da Indústria de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos (ABIHPEC) e do Grupo Boticário e também com Kees Van Rij, embaixador dos Países Baixos no Brasil. O dia chega ao fim com reunião com Sergio Sá Leitão, ministro de Estado da Cultura.
 
Quer entender mais sobre investimentos? Fale com um consultor Interinvest.

FONTE: https://br.investing.com/news/stock-market-news/ibovespa-futuro-abre-com-forte-alta-apos-divulgacao-de-pesquisa-ibope-609558
 

Entre em contato