CONTEÚDO

Deixe nossos especialistas ajudarem você a montar seu plano de sucesso.
CONVERSE COM UM ESPECIALISTA

Quais as oportunidades no mercado de investimentos para as mulheres?

08/03/2022

A presença das mulheres no mercado de investimentos vem crescendo, então vale a pena identificar quais são as oportunidades disponíveis. Confira!

Entre o direito de votar, de trabalhar e de tomar as próprias decisões, as mulheres já percorreram um longo caminho — e isso inclui o mercado de investimentos. Se antes esse ambiente era praticamente apenas dos homens, com os anos isso tem mudado.
Essa é mais uma conquista feminina em busca de espaço, representatividade e participação no mercado. Então, tanto quem quer investir dinheiro quanto quem deseja atuar profissionalmente na área tem oportunidades que devem ser conhecidas.
Na sequência, confira um panorama da presença de mulheres no setor de investimentos e descubra como usufruir das possibilidades que o mercado brasileiro oferece para investidoras e profissionais!

Como é a presença de mulheres no mercado financeiro?

Durante muitas décadas, o mercado financeiro foi um ambiente majoritariamente masculino. No entanto, essa dinâmica vem mudando ao longo dos anos, já que a entrada feminina no mercado tem se intensificado.
De acordo com um levantamento da B3, a bolsa de valores brasileira, as mulheres correspondiam a 24% do total de CPF cadastrados em 2021.
Embora a proporção não tenha mudado tanto com o tempo, os dados absolutos indicam mais mulheres investidoras. Os CPFs atrelados a mulheres eram 100 mil em 2013 e passaram para 1 milhão em 2021. Logo, a presença delas aumentou cerca de 10 vezes.
O estudo da B3 também demonstra uma evolução na diversificação das carteiras femininas. Em 2016, 75% das mulheres investidoras tinham apenas ações nas carteiras. Em 2021, eram apenas 42%, já que as outras optaram por outros ativos e combinações.
É importante notar que a participação de mulheres no mercado também está associada a outras conquistas femininas. A presença crescente da mulher no mercado de trabalho, por exemplo, contribui para que elas desenvolvam um planejamento financeiro capaz de comportar o investimento.
Tanto avanço faz com que hoje seja possível encontrar grandes nomes femininos no mercado financeiro. Veja quais são alguns destaques do mercado brasileiro!

Lara Lemann

Um dos nomes jovens de destaque é o de Lara Lemann. Ela é a fundadora do Maya Capital — um fundo de venture capital com um portfólio robusto e investimentos em diversas companhias.
Lara é filha de Jorge Paulo Lemann, que figura entre as listas dos homens mais ricos do Brasil e que tem múltiplas empresas e investimentos.

Louise Barsi

Já Louise Barsi tem certificação de analista de investimentos, além de graduação na área financeira. Também é responsável por iniciativas de educação financeira e pela oferta de cursos na área.
Ela é filha de Luiz Barsi, considerado o maior investidor como pessoa física da bolsa brasileira, e que figura como uma de suas principais inspirações.

Luciana Seabra

Também analista de investimentos, Luciana Seabra é considerada uma das principais especialistas do mercado brasileiro. Além disso, ela tem formação em Jornalismo e Economia, voltando-se também para o setor de educação financeira.
Luciana foi responsável pelo lançamento de uma casa de análises e de publicações voltadas para o investidor que deseja aprender a investir cada vez melhor.

Camila Farani

Embora seu foco não seja atuar diretamente na bolsa, Camila Farani também é um dos destaques no mercado financeiro. Ela já foi considerada a principal investidora-anjo do país, ajudando a desenvolver diferentes marcas.
Além disso, Camila atua com foco na educação financeira e no desenvolvimento de investidores e empreendedores por meio de seus cursos.

Eufrásia Teixeira Leite

Nem todos os nomes de mulheres de destaque no mercado financeiro são recentes. Ao voltar ao século XIX, é interessante conhecer Eufrásia Teixeira Leite.
Ela foi considerada a primeira investidora da bolsa brasileira, em um tempo em que a participação feminina era praticamente nula. Com uma estratégia voltada para a atuação em diversas bolsas do mundo, Eufrásia conseguiu se tornar uma das mulheres mais ricas de seu tempo a construir a própria fortuna.

Quais são as oportunidades de investimentos para mulheres investidoras?

Diante da chegada das mulheres ao mercado de investimentos, é preciso considerar que, na verdade, não existem oportunidades específicas para elas. Todos os investimentos do mercado podem servir para mulheres que desejem investir dinheiro.
O foco deve estar na consideração do perfil de investidor, dos objetivos financeiros e das finanças pessoais. A partir disso, existem possibilidades nas duas grandes classes. Veja só:

Renda fixa

Os investimentos de renda fixa são aqueles cujas condições de retorno são conhecidas antecipadamente. A classe é formada por diferentes tipos de títulos e por alguns fundos de investimento.
Entre as oportunidades, estão:
  • títulos públicos do Tesouro Direto;
  • certificados de depósito bancário (CDBs),
  • letras de crédito imobiliário (LCIs);
  • letras de crédito do agronegócio (LCAs);
  • letras de câmbio (LCs);
  • letras hipotecárias (LHs);
  • debêntures;
  • certificados de recebíveis imobiliários (CRIs);
  • certificados de recebíveis do agronegócio (CRAs);
  • fundos de investimento em direitos creditórios (FIDCs);
  • fundos DI, entre outros.

Renda variável

Já os investimentos em renda variável não permitem conhecer antecipadamente as regras de rendimento. Assim, eles apresentam mais riscos, mas também têm um potencial maior de retorno.
Eles se dividem entre investimentos na bolsa e fora dela, podendo incluir:
  • ações;
  • fundos de índice (ETFs);
  • fundos de investimentos imobiliários (FIIs);
  • fundos de ações;
  • fundos multimercados;
  • certificados de depósitos de valores mobiliários (BDRs)
  • entre outros.

Quais são as oportunidades nas assessorias para as mulheres?

Como você conferiu, a presença das mulheres no mercado de investimentos não se limita à realização de aportes. Também existem muitas profissionais altamente capacitadas para desempenhar diferentes funções junto aos investidores e às oportunidades do mercado.
Uma dessas possibilidades envolve a atuação em assessorias de investimento. É possível encontrar mais mulheres que prestam provas para certificação no mercado, com destaque para a avaliação da Associação Nacional das Corretoras e Distribuidoras de Títulos e Valores Mobiliários, Câmbio e Mercadorias (Ancord).
Com a aprovação e o registro na CVM, elas podem atuar como assessoras de investimento. Na prática, há um número crescente de profissionais nos escritórios — dos quais elas se tornam sócias.
Diante da presença cada vez mais forte da mulher no mercado financeiro, faz sentido esperar ver mais assessoras, analistas, gestoras e outras funções desempenhadas pelas mulheres.
Como você viu, existem diferentes oportunidades no mercado de investimentos para mulheres — e progressivamente elas aproveitam as possibilidades. Logo, a tendência é identificar, a cada ano, uma participação feminina crescente, tanto como investidoras quanto como profissionais da área.
Gostou de conhecer as características da presença das mulheres no setor? Se quiser conferir novidades do mercado, tirar suas dúvidas ou mesmo conhecer oportunidades para atuar em assessoria, fale conosco da Interinvest!